André Ventura quer suspender o pagamento do IMI

O deputado e Presidente do CHEGA recomendou ao Governo, através de um Projecto de Resolução entregue na Assembleia da República, a suspensão do pagamento do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) até ao final deste ano.

André Ventura explica que esta medida reveste-se de total urgência na medida em que uma representativa percentagem das famílias portuguesas vive, actualmente, com uma redução considerável dos seus rendimentos, em consequência da pandemia do COVID-19.

A forma como as famílias estão a ser afectadas por esta crise, que é consequência da propagação do novo coronavírus, está fortemente patente no número de pedidos de ajuda que o Banco Alimentar Contra a Fome recebeu desde meados de Março.

Numa altura em que os rendimentos dos portugueses se encontram reduzidos é imperioso que se reduza também os encargos, pois só desta forma se conseguirá evitar que os portugueses vivam abaixo do limiar da pobreza.

Ao suspender-se o pagamento do IMI, considera o Presidente do CHEGA, está a dar-se um sinal de apoio e força aos portugueses que se vêm afectados por esta crise.