O partido CHEGA Madeira, entregou esta manhã a sua lista para as próximas eleições legislativas nacionais do dia 6 de outubro.

O cabeça de lista Miguel Teixeira, depois da entrega, afirmou que “é uma candidatura vencedora e que irá lutar para que o partido a nível nacional atinja os seu objetivos”, tendo como objetivo a “redução do número de deputados para 100, alterar a constituição dando início a quarta república, eliminar o apoio estatal a ‘vadios’, obrigatoriedade aos presos de trabalhar para que o seu castigo não seja suportado pelo contribuinte e reforçar um ministério público para que o mesmo possa trabalhar com resultados práticos”.

Miguel Teixeira fez questão de frisar que “o roubo quer dos políticos quer dos banqueiros, nos últimos 20 anos, seria suficiente para que uma geração não pagasse impostos”. 

Perante a pergunta de quanto deputados está o CHEGA à espera de eleger, o cabeça-de-lista respondeu o partido tem “fortes possibilidades de eleger 3 deputados, além do cabeça de lista, esperam assim ser eleitos como deputadas a segunda e terceira da lista, nomeadamente, Maria Ferreira e a Isabel Ramos Welsh.