NUNCA NENHUM PARTIDO CRESCEU TÃO RÁPIDO COMO O CHEGA NA HISTÓRIA DA DEMOCRACIA

Não é a primeira vez que um partido consegue a eleição para a Assembleia da República na primeira vez que concorre por um círculo eleitoral em Portugal, mas é a primeira vez que se verifica um crescimento tão rápido e consistente nos estudos de opinião publicados.

Dois critérios sustentáveis permitem concluir que nunca nenhum partido teve um crescimento tão rápido em Portugal : as sondagens publicadas em meios de ampla difusão nacional e o crescimento do número de militantes do Partido, que em número de inscrições andará à volta dos 20.000.

De facto, mesmo atendendo aos números dae sondagens mais desfavoráveis para o CHEGA (a Eurosondagem de Junho por exemplo), retira – se que, face aos resultados eleitorais de 6 de Outubro de 2019, o partido cresce mais de 300% nas opções dos eleitores. Se tivermos em conta as melhores sondagens, quer da Intercampus , quer da Pitagorica, em diversos meses ao longo do último ano, o crescimento eleitoral será em redor dos 1000% face aos resultados eleitorais de outubro de 2019. Nunca um partido em Portugal cresceu tanto, nem mesmo o PDR nos anos 80 do século passado ou o Bloco de Esquerda na primeira década deste século.