Somos um grupo de cidadãos comuns, eleitores-contribuintes, como qualquer Português, que tomou consciência que, em Portugal, se vive numa situação de total impunidade, de corrupção e de ditadura de grupos de interesse, de elites e de minorias, marcada por uma censura institucionalizada do “politicamente correcto”, a que nos conduziu a III República.


Num caminho em que visamos fundar uma IV Republica, Livre, Democrática e Soberana, perante o progressivo desmoronamento da “União Europeia” e face aos riscos do colapso do €uro, pugnando por uma Europa de Nações Livres, Democráticas e Soberanas, decidimos acompanhar o André Ventura na Fundação de um Movimento, em torno de um Projecto que ora se constituiu no Partido CHEGA e se formaliza com a integração numa Comissão Instaladora.

Por acharmos que CHEGOU o momento para darmos voz a muitos que, como nós, sentimos o dever cívico de dizer CHEGA, e que, por tanto e para tanto, decidimos subscrever o MANIFESTO POLÍTICO FUNDADOR e a sua DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS, e, sem medo, revelarmos QUEM SOMOS, o QUE SOMOS e o QUE NÃO SOMOS!