CHEGA / Publicação atual

E em TUDO sou CHEGA, desde a primeira hora, desde o primeiro minuto.

Estávamos em meados do mês de novembro de 2018, quando entrei pela primeira vez em contacto com o nosso Presidente Dr. André Ventura. O interesse deste meu contacto era sondar a possibilidade da criação de uma futura concelhia em Cascais.

Em Abril de 2019, se não me falha a memória, estive presente no que seria o meu primeiro jantar oficial em Loures, no âmbito da campanha eleitoral do Partido Basta às Europeias.

Entre Junho e Julho de 2019 fui abordado pelo Presidente, com o propósito de vir a assumir a responsabilidade de ser o futuro Presidente da Distrital de Lisboa.
A equipa da direção distrital foi criada e as eleições para a Distrital de Lisboa tiveram lugar em Setembro 2019.

A Distrital de Lisboa foi a segunda distrital do país a apresentar-se a votos perante os nossos militantes, o mesmo aconteceu a 25 de setembro de 2019, um mês antes de elegermos o nosso presidente como deputado para Assembleia da República.

Rapidamente assumimos o compromisso de nomear os diversos núcleos Concelhios do Distrito de Lisboa, fundamentais para uma boa articulação e coordenação da atividade do Partido a nível local.

Fizemos o nosso primeiro jantar no ano seguinte a 29 de Outubro de 2020, esgotaram as vagas em poucas horas, desde então todos os nossos eventos são sempre muito bem acolhidos pelos nossos militantes e simpatizantes, o que muito nos honra.

Nas eleições autárquicas de 2021 fui o candidato pelo Partido Chega à Assembleia Municipal de Lisboa.
O Chega em Lisboa conseguiu eleger 3 deputados municipais, tendo eu próprio assumido a liderança do grupo.

Com a surpresa das eleições legislativas, fui o número 4 da lista pelo Distrito de Lisboa, tendo sido o último deputado à assembleia da República a ser eleito pelo Partido Chega.

Sendo oficial fuzileiro da reserva naval , foi com muito orgulho mas também com imensa responsabilidade que assumi a comissão de defesa, onde sinto a obrigação de lutar pela dignidade das nossas forças armadas.

Assim sendo, neste momento além de Deputado à Assembleia da República, continuo a ser o atual Presidente da Distrital de Lisboa e o segundo Conselheiro Nacional, tendo suspendido o mandato de deputado municipal.

Viva o nosso Presidente Dr. André Ventura!
Viva o Partido Chega!
Viva Portugal!

Texto de.: Dr. Pedro Pessanha
Deputado à Assembleia Da República
Presidente da Comissão Política Distrital de Lisboa
Conselheiro Nacional

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Partido Político CHEGA
Rua Miguel Lupi 12 - 1ºdrt.
1200-725 Lisboa
Contacto Sede: 213 961 244 – das 10h00-19h00
Assessoria de Imprensa: 934 454 043
Protocolo e Eventos: [email protected]

Política de Privacidade
Responsável pelo tratamento de dados: [email protected] Finalidade do tratamento: inscrição e gestão da condição de futuro militante no chega, em observância do art.º 9.º, n.º 2, al. D), do regulamento geral sobre a proteção de dados (RGPD). Os dados pessoais do futuro militante são objecto de processamento informático e de utilização no âmbito das actividades das estruturas internas e autónomas e diferentes candidaturas eleitorais internas de futuros militantes recebidas, nos termos que vierem a ser definidos dos estatutos e dos regulamentos eleitorais do chega, com a garantia de não serem divulgados a outras entidades para outras actividades que não se enquadrem no âmbito da declaração de princípios e das actividades do chega. Caso se venha a equacionar a cedência de dados a terceiros para uma finalidade legítima, tal carecerá sempre da obtenção prévia do consentimento do futuro militante. Prazo de conservação: os seus dados serão conservados enquanto perdurar a constituição do partido e, posteriormente, a condição de militante e, caso se aplique alguma norma estatutária ou regulamentar que implique a conservação dos dados para lá desse momento, nomeadamente de ordem disciplinar, até ao final do prazo estatutariamente ou em regulamento previsto para a efectivação dessa norma. Direitos dos titulares: o titular dos dados pode exercer os seus direitos de acesso, rectificação, oposição, apagamento ou limitação dos seus dados pessoais, nos termos do RGPD, devendo, para o efeito, remeter o seu pedido, por escrito, para [email protected] Direito de queixa: caso assim o entenda, o titular dos dados tem o direito de apresentar queixa junto da comissão nacional de protecção de dados. Encarregado de protecção de dados: em cumprimento do RGPD, o encarregado da proteção de dados pode ser contactado através do endereço eletrónico [email protected]

Conteúdo em atualização.

Prometemos ser breves !