CHEGA / Publicação atual

Reunião da Câmara Municipal de Serpa

Caros munícipes,
Hoje realizou-se a reunião da Câmara Municipal de Serpa, privada, mas como sempre faço, partilho convosco os assuntos tratados.
Exatamente por isso, propus ao executivo da CDU um desafio
Durante a sua campanha eleitoral o mote foi “honestidade, competência e trabalho”, portanto sugiro que as reuniões de Câmara e Assembleia Municipal, sejam transmitidas on line. Como já acontece em muitos outros municípios!
Em anexo coloco a ordem do dia.
No ponto no 4 sobre o Festival FUTURAMA, questionei se o montante de 10.000€ è exatamente o mesmo para todos os municípios envolvidos?
Questionei ainda neste ponto que refere que as atividades vão desenrolar-se em determinados locais e está mencionado o museu. Que Museu?
Está também mencionado na conversa da 2° Constelação o tema Muralhas e Nora. Vão voltar a abordar este tema e falar sobre o estado de degradação de ambas?
Quis saber se há ou não alguma intervenção imediata prevista para a Nora?
Não havendo, convém mencionar que a própria autarquia podia resolver esta situação com os seus próprios meios, elaborando um projeto que posteriormente seria enviado à DRCA para ter o seu parecer e avançar a obra! A mim, parece me simples…
No ponto no 5, questionei que outros apoios têm os alunos com necessidades especiais?
Pedi para me serem identificados os critérios que definem quem faz parte dos alunos itinerantes;
Pela análise que faço, dos dados apresentados, depois da União de Freguesias de Serpa, é a Freguesia de Pias que regista mais pedidos de apoio. O executivo da CDU, retira alguma conclusão?
No ponto no 6, sobre a obra da Rua dos Fidalgos em Serpa que está parada há meses, questionei o executivo se o júri è o mesmo do anterior concurso?
Como o Sr. Presidente não fez parte do anterior executivo que iniciou este projeto ( + uma herança) gostaria de deixar a sugestão, para que nas nossas reuniões de câmara os chefes de divisão pudessem estar presentes. Pois também começo a ficar cansada de sempre que coloco uma questão, o executivo da CDU responde que vai questionar os serviços…
Quero voltar a mencionar que continuo chocada com o aumento do custo da obra (+100%) que demonstra claramente como foi conduzido este projeto! MAL!
Decidi abster me na votação e vou rezar para que desta vez as obras corram da melhor maneira e que de uma vez por todas se finalize a obra!
No ponto no 12, solicitei mais esclarecimentos sobre a atribuição de verbas.
No ponto no 3, alteração ao GOP, coloquei várias questões sobre diferentes rubricas onde existe um reforço de verba.
No tempo reservado aos vereadores da oposição, da qual eu faço parte,
agradeci o envio da informação sobre os apoios que a autarquia presta ao Futebol Clube de Serpa. Mas, no entanto, voltei a chamar a atenção sobre o “não envio” das informações por mim solicitadas. O que infelizmente começa a ser um mau hábito, mas para resolver esta situação existem entidades competentes e já recorri da mesma e sempre que achar necessário irei fazê-lo.
1- Nas reuniões entre o Executivo da CDU e a Santa Casa da Misericórdia de Serpa, com o tema – Hospital São Paulo, gostaria de saber qual o ponto de situação?
2 – Vou voltar a questionar se a autarquia vai ou não avançar com o projeto da ciclovia no Ramal de Moura? Apresentei uma imagem com data de 24/04/22 do partido os Verdes em que a CDU de Serpa menciona:
“roubaram nos o comboio e abandonaram a ferrovia”. E agora ponderam substituir o Ramal ferroviário por uma ciclovia??
3 – Conforme sabem, ou devem saber, o piso da Estrada Nacional 392 está num estado deplorável, colocando em risco a vida de todos que diariamente a utilizam! Que esforços está o executivo da CDU a fazer para encontrar uma solução rápida para o troço que faz a ligação entre Vila Nova de São Bento e Pias? (junto foto)
4 – Constatei através das redes sociais da Autarquia, o resgate e realojamento de cidadãos imigrantes, que estavam a “viver “na Freguesia de Pias. Qual o ponto de situação? O responsável por estas pessoas em Portugal foi notificado?
5 – Qual a percentagem do reaproveitamento das águas nas ETARs no município?
6 – A “fuga” de água na Freguesia de Brinches já foi identificada e resolvida?
7- Fui informada por um munícipe, que um lote na ZAE de VNSB foi atribuído, como sendo o Lote nr5. Mas parece que não se sabe onde fica esse mesmo lote? Esse mesmo lote anteriormente já tinha sido atribuído a uma outra empresa, que desistiu do mesmo.
Quero mencionar que a Ponte Romana, tema já por mim abordado algumas vezes em reunião de câmara, localizada na Ribeira do Enxoé, foi finalmente intervencionada, com o corte das ervas, realizado pela empresa responsável pela manutenção das estradas e o Sr. Presidente da Autarquia deslocou se à mesma para perceber o estado em que se encontra, referindo que esta carece de mais intervenções
É uma pena ser o Comité Central do partido Comunista a comandar os destinos do Município de Serpa… É uma pena!
Juntos vamos continuar a trabalhar e a mudança só depende de todos vocês!
Grata pela vossa atenção
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Partido Político CHEGA
Rua Miguel Lupi 12 - 1ºdrt.
1200-725 Lisboa
Contacto Sede: 213 961 244 – das 10h00-19h00
Assessoria de Imprensa: 934 454 043
Protocolo e Eventos: [email protected]

Política de Privacidade
Responsável pelo tratamento de dados: [email protected] Finalidade do tratamento: inscrição e gestão da condição de futuro militante no chega, em observância do art.º 9.º, n.º 2, al. D), do regulamento geral sobre a proteção de dados (RGPD). Os dados pessoais do futuro militante são objecto de processamento informático e de utilização no âmbito das actividades das estruturas internas e autónomas e diferentes candidaturas eleitorais internas de futuros militantes recebidas, nos termos que vierem a ser definidos dos estatutos e dos regulamentos eleitorais do chega, com a garantia de não serem divulgados a outras entidades para outras actividades que não se enquadrem no âmbito da declaração de princípios e das actividades do chega. Caso se venha a equacionar a cedência de dados a terceiros para uma finalidade legítima, tal carecerá sempre da obtenção prévia do consentimento do futuro militante. Prazo de conservação: os seus dados serão conservados enquanto perdurar a constituição do partido e, posteriormente, a condição de militante e, caso se aplique alguma norma estatutária ou regulamentar que implique a conservação dos dados para lá desse momento, nomeadamente de ordem disciplinar, até ao final do prazo estatutariamente ou em regulamento previsto para a efectivação dessa norma. Direitos dos titulares: o titular dos dados pode exercer os seus direitos de acesso, rectificação, oposição, apagamento ou limitação dos seus dados pessoais, nos termos do RGPD, devendo, para o efeito, remeter o seu pedido, por escrito, para [email protected] Direito de queixa: caso assim o entenda, o titular dos dados tem o direito de apresentar queixa junto da comissão nacional de protecção de dados. Encarregado de protecção de dados: em cumprimento do RGPD, o encarregado da proteção de dados pode ser contactado através do endereço eletrónico [email protected]

Conteúdo em atualização.

Prometemos ser breves !