CHEGA / Publicação atual

IX REUNIÃO do CONSELHO CONSULTIVO do DISTRITO DE COIMBRA

Realizou-se na passada Sexta-Feira, dia 10/02/2023, pelas 21h00, no Concelho da Coimbra, a IX REUNIÃO do CONSELHO CONSULTIVO do DISTRITO DE COIMBRA.
Continuamos com a perspetiva de DESCENTRALIZAÇÃO da realização das reuniões, visto que, só assim, podemos e decididamente mostramos, que somos e seremos sempre um Partido do Povo e para o Povo.
A ordem de trabalhos desta reunião foi composta por 15 pontos, que se basearam e focaram, em temas como a Avaliação da V Convenção do Partido CHEGA em Santarém, sobre as propostas de futuros eventos a nível Concelhio a realizar, Propostas de Debates a realizar nos próximos meses no Distrito de Coimbra em diversos âmbitos, as Propostas, as Estratégias, os Planos e os temas de Luta para o ano de 2023, e as questões mais pertinentes sobre a Temática dos Transportes, Urbanos, Nacionais e Internacionais, entre outros.
Os Projetos de Lei, os Projetos de Resolução e todos os temas inerentes ao Distrito de Coimbra, que têm sido levados, trabalhados e explanados pelo Grupo Parlamentar em defesa do Distrito Conimbricense, foram novamente elucidados e esclarecidos, quer no seu teor, quer no seu âmbito.
Há a salientar, que este trabalho apenas é desenvolvido, devido à excelência e disponibilidade de pessoas que se dedicaram a um caminho, a um objetivo e a um propósito de nome CHEGA.
Assim se constrói um caminho para todos e para o bem de todos.
Obrigado aos presentes, pela contribuição prestada.
A próxima reunião será dia 03/03/2023 pelas 21h no Concelho de Mira.

Facebook
Twitter
Telegram
Pinterest
WhatsApp
Email

Partido Político CHEGA
Rua Miguel Lupi 12 - 1ºdrt.
1200-725 Lisboa
Contacto Sede: 213 961 244 – das 10h00-13h00 e 14h30-19h00
Assessoria de Imprensa: 934 454 043
Email Geral: [email protected]

Política de Privacidade
Responsável pelo tratamento de dados: [email protected]. Finalidade do tratamento: inscrição e gestão da condição de futuro militante no chega, em observância do art.º 9.º, n.º 2, al. D), do regulamento geral sobre a proteção de dados (RGPD). Os dados pessoais do futuro militante são objecto de processamento informático e de utilização no âmbito das actividades das estruturas internas e autónomas e diferentes candidaturas eleitorais internas de futuros militantes recebidas, nos termos que vierem a ser definidos dos estatutos e dos regulamentos eleitorais do chega, com a garantia de não serem divulgados a outras entidades para outras actividades que não se enquadrem no âmbito da declaração de princípios e das actividades do chega. Caso se venha a equacionar a cedência de dados a terceiros para uma finalidade legítima, tal carecerá sempre da obtenção prévia do consentimento do futuro militante. Prazo de conservação: os seus dados serão conservados enquanto perdurar a constituição do partido e, posteriormente, a condição de militante e, caso se aplique alguma norma estatutária ou regulamentar que implique a conservação dos dados para lá desse momento, nomeadamente de ordem disciplinar, até ao final do prazo estatutariamente ou em regulamento previsto para a efectivação dessa norma. Direitos dos titulares: o titular dos dados pode exercer os seus direitos de acesso, rectificação, oposição, apagamento ou limitação dos seus dados pessoais, nos termos do RGPD, devendo, para o efeito, remeter o seu pedido, por escrito, para [email protected]. Direito de queixa: caso assim o entenda, o titular dos dados tem o direito de apresentar queixa junto da comissão nacional de protecção de dados. Encarregado de protecção de dados: em cumprimento do RGPD, o encarregado da proteção de dados pode ser contactado através do endereço eletrónico [email protected].

Conteúdo em atualização.

Prometemos ser breves !